Coleção FOTUEVR - Fotografias da Universidade de Évora

Atividades agrícolas Atividades agrícolas Atividades agrícolas Seistetos Seistetos Seistetos Seistetos Seistetos Seistetos Seistetos
Resultados 1 a 10 de 2212 Mostrar tudo

Zona de identificação

Código de referência

PT/AUEVR/FOTUEVR

Título

Fotografias da Universidade de Évora

Data(s)

  • 1900-01-01 - 2010-12-31 (Produção)

Nível de descrição

Coleção

Dimensão e suporte

3077 fotografia(s), cor e p/b; papel

Zona do contexto

Nome do produtor

(1559 -)

História administrativa

A Universidade de Évora foi fundada em 1559 pelo Cardeal D. Henrique e extinta no ano de 1759 pelo Marquês de Pombal.

Embora a vontade de criar uma Universidade no Alentejo venha já do tempo de D. Manuel I, foi o Cardeal D. Henrique que levou a cabo tal empresa.

O Papa Paulo IV, através da "Bula Erecçam da Vniversidade. Anno 1558", autoriza a criação de uma Universidade em Évora sob a direção e administração da Companhia de Jesus; e a "Bula Cum a Nobis", de abril de 1559, institui a nova Universidade. Inaugurada oficialmente em 1 de novembro de 1559, o Bispo de Targa, em representação do Cardeal D. Henrique, toma posse da nova Universidade e entrega-a à Companhia de Jesus.

Em 8 de fevereiro de 1759, no reinado de D. José I e por ordem do Marquês de Pombal, cessa toda a atividade académica, que coincide com a expulsão dos Jesuítas.

Após a extinção da Companhia de Jesus e o encerramento da Universidade de Évora, foram então, por Carta de Doação Régia de D. José I, de 4 de julho de 1774, entregues à Universidade de Coimbra os bens da Companhia de Jesus e os diversos cartórios que esta possuía na Universidade de Évora.

A refundação da Universidade de Évora dá-se em 1973 por decreto do, então, ministro da Educação José Veiga Simão. Cria-se o Instituto Universitário de Évora no mesmo local onde a antiga Universidade fora fechada. Pelo Decreto-Lei n.º 513/75, de 20 de setembro, é criada a Escola Superior de Estudos Sociais e Económicos Bento de Jesus Caraça, visando substituir o Instituto Superior Económico e Social de Évora - fundado em 1964 por iniciativa da Companhia de Jesus e da Fundação Eugénio de Almeida, que suspendeu as atividades letivas na sequência do 25 de abril de 1974. Em 1976 ocorre a extinção da Escola Superior de Estudos Sociais e Económicos Bento de Jesus Caraça e a subsequente integração dos seus alunos no recém criado Departamento de Economia do Instituto Universitário de Évora.

Em 1979, o Instituto Universitário de Évora dá lugar à nova Universidade de Évora e pelo Decreto-Lei n.º 174/86, de 1 de julho, são publicados os primeiros estatutos da Universidade de Évora.

História do arquivo

A origem do Arquivo da Universidade de Évora confunde-se com a da própria Instituição, na medida em que é formado pela documentação produzida e recebida, naturalmente, no exercício das suas funções e atividades ao longo da sua existência.

Como é sabido, a 8 de fevereiro de 1759, por ordem do Marquês de Pombal foi prematuramente extinta a então Universidade de Évora após 2 séculos de magistério, de produção científica, de atividade administrativa e académica.

Após a extinção da Companhia de Jesus e o encerramento da Universidade de Évora os bens e os diversos cartórios que possuía (colégios, casas, igrejas e mosteiros) foram entregues à Universidade de Coimbra, por Carta de Doação Régia de D. José I, datada de 4 de julho de 1774, onde se mantém até hoje.

Em 1973 por decreto do, então, ministro da Educação José Veiga Simão dá-se a refundação da Universidade e em 1979, o Instituto Universitário de Évora dá lugar à nova Universidade de Évora.

Por Despacho Reitoral n.º 110/97, de 7 de novembro, era nomeada uma Comissão com o objetivo de propor a criação do Arquivo Histórico e assegurar o seu arranque e funcionamento, tendo a sua operacionalização sido estabelecida através do Despacho Reitoral n.º 121/98, de 14 de Dezembro.

Inicialmente, o Arquivo Histórico da Universidade de Évora ficou na dependência do Gabinete da Reitoria. Em outubro de 2008, com a homologação dos Estatutos da Universidade de Évora através do Despacho Normativo nº 54/2008 artigo 78º, o Arquivo Histórico foi integrado na Biblioteca Geral.

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Documentação proveniente de diversas unidades orgânicas e serviços da Universidade.

Zona do conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

A documentação da coleção de fotografias da Universidade de Évora é, especialmente, representativa da vida da Instituição no período compreendido entre 1974 e 2000, destacando-se as seguintes secções/temáticas:

  • Atividades;
  • Equipamentos;
  • Espaços;
  • Eventos;
  • Património Móvel ou Decorativo;
  • Reitores e Docentes da Universidade;
  • Retratos.

A coleção inclui ainda a subcoleção da Fundação Luís de Molina, com as seguintes secções/temáticas:

  • Atividades;
  • Equipamentos;
  • Espaços;
  • Eventos;
  • Álbuns Gerais.

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Prevê-se que possam vir a ocorrer novas incorporações ainda que sem periodicidade definida.

Sistema de arranjo

A coleção foi organizada tematicamente em secções e séries e as fotografias, por sua vez, numeradas sequencialmente através da atribuição de n.º de ordem.

Foi ainda constituída uma subcoleção para a Fundação Luís de Molina organizada seguindo os critérios anteriores.

Zona de condições de acesso e utilização

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

As previstas no Regulamento da Divisão de Informação Documental dos Serviços de Biblioteca e Informação Documental da Universidade de Évora, publicado pelo Despacho n.º 6351/2021, de 14 de junho. Diário da República 2.ª Série, Parte E, n.º 123, de 28 de junho de 2021.

Idioma do material

  • português

Script do material

  • latim

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Zona de documentação associada

Existência e localização de originais

Arquivo da Universidade de Évora | Divisão de Informação Documental dos Serviços de Biblioteca e Informação Documental da Universidade de Évora.

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Zona das notas

Identificador(es) alternativo(s)

Pontos de acesso

Pontos de acesso - Assuntos

Pontos de acesso - Locais

Pontos de acesso - Nomes

Pontos de acesso de género

Zona do controlo da descrição

Identificador da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Estatuto

Final

Nível de detalhe

Parcial

Datas de criação, revisão, eliminação

Línguas e escritas

  • português

Script(s)

  • latim

Fontes

Nota do arquivista

Descrições arquivísticas realizadas por Cecília Pereira, David Baptista e Rui Duarte.
Transformação de dados descritivos e migração realizada por Cecília Pereira e Rui Duarte.
Transferência de suporte (digitalização) realizado por José Cota.
Tratamento e edição de objetos digitais realizado por José Cota e Rui Duarte.

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Géneros relacionados

Locais relacionados